BLU-RAY desbanca o HD-DVD. Sony x Toshiba.

 tv-digital.jpg

Apesar da negação de muitos, o objeto TV parece a cada dia dominar mais e mais lares.

Mesmo que a internet e os jogos eletrônicos tenham “comido” uma fatia desse bolo, a TV transmutou-se, deixou de ser uma “simples” e clássica caixa de informações tornando-se um objeto de design e linhas sofisticadas, imagens em alta definição, telas finíssimas, qualidade de som impecável, novas cores e preços um pouco mais acessíveis – o que estimula um consumo maior e mais rápido.

O “sonho da TV” não parece estar perdendo seu lugar cativo, até mesmo quando os dados dizem que a venda de televisores foi ultrapassada* pela venda de PCs, já em 2007.

Ao mesmo tempo a venda de televisores também cresceu, além de ser nítido que há mais televisores, neste momento, nas casas brasileiras do que PCs, o que justifica em parte o interesse maior por colocar um computador em casa.

Em verdade não estou aqui para celebrar nem esmagar qualquer estimativa, é de se esperar que o uso tanto de um quanto do outro aparelho seja bastante positivo, interessante e educativo quando bem usado. Claramente, não posso ser tão otimista quanto à qualidade da nossa TV Aberta, nem em relação à maneira como as pessoas usam tais aparelhos.

Para muitos, uma televisão da moda na sala de casa é cool, é inovador, é moderno e estiloso. A questão “família-reunida-em-volta-da-TV”, na prática, parece estar perdendo o sentido. Somando a “Família reunida” à uma exclente imagem faz-me crer numa verdadeira “high-technology”.  

A GUERRA DAS TECNOLOGIAS  

A guerra pelas novas tecnologias e sua democratização traz reflexos que nós frequentemente – se sentirmos – só sentiremos quando esta já estiver com algum bom tempo de uso lá na nossa sala, ou dentro do carro, da bolsa, enfim.  

A mais recente batalha, em se tratando de tecnologias audiovisuais, foi travada entre os gigantes Sony e Toshiba. Estou falando do Blu-Ray e do HD-DVD, tecnologias criadas para substituir os atuais DVDs.

A Toshiba (HD-DVD) rendeu-se à tecnologia proposta pela rival Sony (Blu-Ray), depois que diversos estúdios de cinema (um dos principais foi a Warner Bros) e grupos de varejo (entre eles, Wal-Mart) resolveram optar pelo sistema da concorrente.

Tal batalha impediu que a evolução de novos sistemas de discos ópticos andasse mais depressa, confundindo os consumidores” (site G1, do Globo.com).

Ainda segundo o site G1: “Com a vitória do Blu-ray o consumidor não precisa mais escolher entre formatos rivais incompatíveis, correndo o risco de optar por um equivalente do padrão Betamax no século 21 — tecnologia da Sony para videocassetes que foi derrotada pelo sistema VHS nos anos de 1980. O disco Blu-ray tem capacidade máxima de até 50 GB de dados, contra 30 GB do HD-DVD”.

_sony-bdrdl1.jpg

Bom, novas tecnologias surgem a todo instante, sempre prometendo “o melhor de todos os tempos”.

Neste caso cabe a você se informar e então decidir qual e em que momento aderir às novas vedetes da atualidade, lembrando sempre que se paga mais para se ter algo “antes” dos outros, mas que passado um tempinho, os preços chegam a um patamar razoável, talvez mais próximo do seu bolso.

Consumir com consciência ajuda o nosso planeta. Pense nisso.

Um abraço, Antonio Rossa 

*Fonte: http://www.administradores.com.br/noticias/venda_de_pcs_deve_superar_a_de_televisores_em_2007/11113/    

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: