Chico Buarque na sala da sua casa.

 

Trabalhando no “Doc Rural Rock Fest 2008” e num segundo documentário (que em breve todos ficarão sabendo do que se trata), acabei por buscar algumas referências audiovisuais para “firmar o pulso”.

 

Por sorte, acabaram chegando em minhas mãos alguns bons filmes -agradecimentos ao amigo Felipe Tonin.

 

Bom, sem delongas, procurem assistir a série de 13 dvd´s (12 dvd´s + 1 extra) do Chico Buarque, lançados em 2006 com o nome de Coleção DVDs CHICO BUARQUE ESPECIAL”. Apesar do número extraordinário, assisti-los torna-se uma atividade deliciosa, como se Chico estivesse na sala da sua casa tocando violão e batendo um papo, quase que sem compromisso.

 

Segundo o release no site da gravadora EMI: “Pode-se dizer que esta série levou 40 anos para ser feita. Ela contém as melhores imagens de Chico Buarque desde 1966, quando começou sua trajetória. Passa pelo período dos festivais e pelos tempos difíceis da ditadura. Mostra sua obra para teatro e cinema, a relação da sua música com a literatura e sua produção para crianças. Enfoca temas recorrentes de seu trabalho, como o universo feminino e as canções românticas, fala de suas paixões, como a Mangueira e o futebol, e homenageia seus amigos e parceiros, em especial o “Maestro Soberano”, Tom Jobim”.

 

Assistindo a esse material, pude quase que sentir a razão pela qual todos nós devemos fazer (ou tentar fazer) um documentário: recriar o tempo.  

 

Necessário, bonito e sincero! Como toda arte deve ser.  

 

 

 Um abraço, Antonio Rossa

 

 

 

 

 

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: