Floripa Noise 2010 – Novembrada

Um cidadão instigado, barbarizado, logo após comer mais de meio quilo de toicinho, começou a entender o poder dos gases flatulentos.

Nada de papel ou banheiro.

Somato! O sujeito gritou.

Apesar do papo parecer skrotes, você queira ou não tijuquera, a verdade é que o produto arde feito noise nos ouvidos.

Se o coletivo é operante e o ritmo aluciante, mermão, mais estranho seria encontrar o Rodrigo Daca, num estilão “South of Mind” – de overdose num motel.

Cassim ou assado, não sei, só sei que essa festa você não deveria perder.

Antonio Rossa

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: